Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

riscos_e_rabiscos

.

.

Resumo De Um Dia De... Praia.

 

. “Snifei” duas ondas o que até deu jeito porque estava aflita da minha alergia. Ficou a sala limpa.

 

. Uma lesão na patinha esquerda, pois deu-se o choque entre o meu pézinho e um pedaço de pau que estava na areia, graças ao lixo que “decora” a praia. De resto, uma prática corrente em várias praias portuguesas.

 

. Descobri que uma das minhas alunas é canibal. Decidiu dar uma trinca ao colega só porque estava a invadir a sua “cabana”. Ou será que estava na hora do lanche e a miúda estava com fome? Hummm…

 

. Uma freira semi-afogou-se e o nosso Tarzan de serviço teve de ir fazer um salvamento forçado… Cof! Cof! Cof!

O que algumas pessoas fazem para arranjar um colinho masculino. Oops!

 

. A incongruência bandeira-estado do mar. As ondas estavam de tal maneira fortes que mais pareciam um ataque de fúria do Velho do Restelo! E a bandeira? Estava verdinha…

Queixámo-nos à salva-vidas (ou seria salva-alforrecas?) de serviço que só não nos mandou à m”#$da porque estava a mostrar o biquíni à amiga…

 

. Recebemos um “mimo” da BT porque não tínhamos uma lista na caixa da farmácia. Depois veio a história do tacógrafo e mais não-sei-o-quê. Espreitar se as crianças tinham cinto e se iam em segurança… dá muito trabalho. Fica para a próxima!

 

. Fomos sobrevoados por uma “ovelha” e não uma abelha (sim!), monstruosa e gulosa que nos queria picar para nos sugar todo o protector solar. Argh!

 

. O batráquio fez das suas: ao entrar na página do sapo eis que vejo que estou em… DESTAQUE!!!

Mais uma vez obrigadinha sapinho!

 

. Não sabia que os Slipknot tinham mudado de nome e agora pertenciam à área dos detergentes. Acho que agora se chama “SKIPNOT”, segundo o que ouvi na TV. Ou será que têm alguma campanha anti-skip?

 

Para terminar quero só dizer que tenho medo de fantasmas e que hoje já não vou dormir! Quem manda mostrar na TV o fantasma de Michael Jackson?!? Já bastava a estátua de cera, não?

 

16 comentários

Comentar post